Introdução

O TUME (Teste de Uso Múltiplo do Eucalyptus) é um projeto de extensão florestal do Departamento de Ciências Florestais (LCF) da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (ESALQ-USP), que busca fomentar o desenvolvimento da eucaliptocultura em pequenas e médias propriedades rurais. Cada módulo do projeto é composto por 9 espécies de eucalipto e ocupa uma área de aproximadamente 1 hectare. As figuras abaixo ilustram o croqui de plantio e o experimento já com 5 anos de idade no município de Luís Antônio-SP.

 

Figura 1. Croqui e foto de um módulo do Teste de Uso Múltiplo do Eucalyptus (TUME) em Luís Antônio-SP aos 5 anos de idade.

 

O TUME tem como parceiros, além do produtor que recebe o projeto na sua propriedade, a Estação Experimental de Ciências Florestais de Itatinga (EECFI/ESALQ) e os alunos da ESALQ/USP, por meio do Grupo Florestal Monte Olimpo (GFMO). O produtor assume o compromisso de manejar a floresta até a idade de 20 anos, e o experimento fica à disposição para visita de outros produtores interessados. A EECFI é responsável pela produção das mudas (que são adquiridas ao preço de custo) e pelo auxílio nas recomendações técnicas de implantação e manejo da floresta. Os alunos do GFMO/ESALQ são responsáveis por auxiliar na mensuração da floresta (inventário), e no acompanhamento das recomendações de manutenção e manejo (atividades de silvicultura e desbaste, respectivamente). O custeio e apoio logístico das visitas técnicas (transporte, hospedagem e alimentação) por parte dos alunos ao TUME ficam a cargo do produtor.

 

Figura 2. Diagrama de atividades e benefícios dos participantes do projeto TUME.

 

Objetivos

O principal objetivo do TUME é levar o conhecimento da cultura do eucalipto para as propriedades rurais deixando o crescimento e o potencial de produção de diversas espécies de eucalipto à vista para o produtor. O projeto também visa conhecer o comportamento e crescimento dessas espécies em diversas regiões bioclimáticas do Brasil e assim identificar àquelas de maior potencial para o uso múltiplo.

 

Uso Múltiplo

O que é ‘uso múltiplo’? Significa conhecer as diferentes espécies que compõem o gênero Eucalyptus, identificar as suas aptidões naturais e utilizá-las da melhor forma para os diversos produtos, nas idades e dimensões adequadas. Para uma espécie, significa conhecer e utilizar suas distintas árvores (dimensão e idade) para usos diferenciados. Para um indivíduo, significa conhecer e utilizar suas diferentes partes (sortimentos) para usos distintos.

 

Histórico

A história do projeto TUME começou em 1996, em uma visita de professores da ESALQ à cidade de Ubirajara-SP, a convite do Eng.º Agr. João Pacheco A. Prado, da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI). Foram visitadas várias propriedades no dia, e em cada uma havia demandas diferentes. Foi então que surgiu a ideia inicial de um projeto de extensão rural. Um dos professores presentes, José Luiz Stape, idealizou implantar um TUME na região para que o produtor pudesse escolher o eucalipto que mais se adequasse ao potencial de cultivo e uso da sua propriedade. Desde então, o projeto ganhou o apoio de diversos produtores e empresas do setor florestal e totaliza mais de 150 módulos implantados. Atualmente o TUME possui 42 módulos ativos distribuídos em 27 municípios de 5 estados brasileiros.

 

Figura 3. Produção de mudas do gênero Eucalyptus sp.

 

Figura 5. Parcela de E. torelliana com 11 anos de idade.

 

Figura 7. Ficha de campo de inventário.

Figura 4. Instalação de um módulo do TUME em Piracicaba-SP.

 

Figura 6. Medição de altura total das árvores com hipsômetro.

 

Figura 8. Estoque volumétrico de madeira em pé, das espécies do TUME 1 (Ubirajara-SP) aos 6 anos de idade.

Figura 9. Dia de campo na área experimental do projeto TUME, em curso de eucaliptocultura promovido pela Estação Experimental de Ciências Florestais de Itatinga (EECFI; ESALQ/USP) em 2009.